Realidade sem fantasia

Se há martelo e foice,
Até o bichinho de pelucia
Dá coice.

Nenhum comentário: